Para que serve a Meditação?

A meditação é uma técnica que permite alterar a atividade cerebral da mesma forma que as suas estruturas. Existem diferentes formas de meditar, contudo, o objetivo primordial é ir para além do pensamento automático.

Para atenuar sintomas como a depressão e ansiedade a terapia cognitiva baseada na mentalização (TBM ou TCBM) concilia caraterísticas da típica terapia cognitiva juntamente com a meditação de atenção plena. Neste caso, o intuito é instruir a prestar atenção sem realizar julgamentos e identificar no momento em que surgem sentimentos e pensamentos destrutivos. Posto isto, a intenção é converter esses sentimentos e/ou pensamentos em construtivos, de forma a que a reação não seja impulsiva.

Consoante o trabalho de Lurders e os seus colegas em 2012, este revelou um aumento do volume do hipocampo, responsável pela memória, bem como em outras áreas do córtex cerebral em meditadores1.

A atenção plena, bem como a meditação pode de facto contribuir para uma melhoria da qualidade de vida do ser humano, sendo uma mais-valia para todos os sujeitos que a colocam em prática.

Referências:
1Ibáñez, Á., & Goldberg, E. (2018). Como investir no seu cérebro? – Um guia prático para melhorar a qualidade de vida e a saúde mental. Lisboa: Edições Sílabo.

Partilhe

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Mafalda Moreira
Cart Item Removed. Undo
  • No products in the cart.